Tuesday 13 November 2018
Home      All news      Contact us      English
diariodigital - 5 days ago

Mónaco nega acusações sobre a transferência de Mbappé

O Mónaco reagiu num comunicado oficial às informações recentemente divulgados pela Mediapart através de uma investigação do Football Leaks , que davam conta que o emblema monegasco usou um esquema financeiro, com recurso a sociedades localizadas em paraísos fiscais, para encobrir injeções de dinheiro de Rybolovlev sem infringir o equilíbrio financeiro imposto pela UEFA.Segundo o Football Leaks, através deste sistema ilegal, o Mónaco beneficiou do encaixe de centenas de milhões de euros, que seriam oficialmente oriundos de patrocínios, mas que, na realidade, saíram do bolso do presidente do clube.Em causa está ainda a transferência de Kylliam Mbappé do Mónaco para o Paris Saint-Germain. Segundo o Football Leaks, o Mónaco recorreu ao empresário Jorge Mendes para mediar a transferência do avançado internacional francês para o Real Madrid, que aceitara pagar 180 milhões de euros, verba que exigiu posteriormente ao Paris Saint-Germain.De acordo com o consórcio de investigação de vários órgãos de comunicação social europeus, este valor é acrescido de 34 milhões de euros relativos a impostos que o Real Madrid acordou liquidar, aumentando o valor da transferência para 214 milhões de euros.Pela sua intervenção, refere o consórcio, o agente português Jorge Mendes foi posteriormente compensado com nove milhões de euros, quando ocorreu a transferência de Mbappé para os parisienses, “apesar de não ter tido uma ação direta na operação”.Embora tenha existido um princípio de acordo com o Real Madrid, o internacional francês preferiu representar o Paris Saint-Germain, pelo que o Mónaco exigiu ao rival da capital francesa os mesmos montantes previamente negociados e acordados com os espanhóis.Leia o comunicado do Mónaco na íntegra: O AS Monaco nega veementemente os comentários difamatórios da Mediapart e afirma que o presidente do clube, Dmitry Rybolovlev, não retirou um euro dos cofres do clube após a transferência de Kylian Mbappé.O presidente Dmitry Rybolovlev investiu quase 335 milhões de euros desde a sua chegada para financiar transferências e salários de jogadores e pagar as dívidas do clube.A cada temporada, desde a sua chegada, o clube sofreu regularmente perdas financeiras. Dmitry Rybolovlev, sempre que se revelou necessário no interesse do clube, desempenhou o papel de acionista e compensou os défices. Assim, dos 335 milhões de euros investidos, 182 milhões de euros possibilitaram o preenchimento desses défices registrados em 30 de junho de 2017.Na contabilidade, essas transações são chamadas de baixas contábeis e permitem que o acionista abandone parte dos seus investimentos e adiantamentos em conta corrente para enfrentar situações de fluxo de caixa. Em troca, a fim de garantir os direitos legítimos do acionista, essas retiradas de conta corrente são sempre acompanhadas de um retorno à cláusula de melhor fortuna.Durante a temporada de 2017/18, o clube teve lucro, esta cláusula de retorno para melhor sorte pode ser ativada naturalmente. No contexto da aplicação desta cláusula, os valores em questão não são mais considerados como abandonados pelo acionista e tornam-se recuperáveis, mas permanecem nas contas do clube.Como resultado, Dmitry Rybolovlev não recuperou, numa base pessoal, um único cêntimo destas somas de dinheiro, nem na transferência de Kylian Mbappe nem em qualquer outra entrada de dinheiro no clube. A conta corrente do acionista é usada para a operação do clube e transferências.O AS Monaco, que obviamente pode fornecer a evidência contábil para contradizer completamente as alegações enganosas da Mediapart, está surpreso que entre as centenas de perguntas recebidas de jornalistas no momento em que estavam a realizar a sua investigação , não haja uma única pergunta precisa sobre este ponto. Estão a ser estudados todos os meios legais para fazer valer os seus direitos.

Related news

Latest News
Hashtags:   

Mónaco

 | 

acusações

 | 

sobre

 | 

transferência

 | 

Mbappé

 | 
Most Popular (6 hours)

Most Popular (24 hours)

Most Popular (a week)

Sources