Monday 21 January 2019
Home      All news      Contact us      English
dnoticias - 11 days ago

Efeitos da massa de ar polar não se farão sentir na Madeira

Contrariamente aos efeitos da massa de ar polar prevista ‘congelar’ Portugal Continental até ao fim-de-semana, na Madeira as temperaturas do ar deverão registar ligeira subida nos próximos dias, aliviando o desconforto térmico que, sobretudo no período nocturno, tem assolado nos últimos dias diversas localidades da Região, em particular na última noite, que bateu recordes das temperaturas mais baixas registadas neste início de 2019.‘Protegida’ da massa de ar com caraterísticas de ar Ártico que paira sobre Portugal continental, transportada do interior do continente Europeu, esta quinta-feira a temperatura nas localidades mais amenas da Madeira ultrapassou os 18 graus de máxima prevista pelo IPMA. 19,4ºC no Lido, foi o registo mais alto neste dia que começou com muito sol no Funchal e acabou com o céu totalmente encoberto. Acima dos 19 graus só Lugar de Baixo (19,3ºC) e o Observatório (19,2ºC). No lado oposto da tabela de valores, a máxima mais baixa foi registada no Pico Alto (10,8ºC).Esta quinta-feira fica também marcada (até às 18 horas) pela significativa amplitude térmica verificada na Bica da Cana, que depois de ter registado, ao início da manhã (08:00), a temperatura mínima 2,8ºC (temperatura mais baixa hoje registada na Madeira), ao início da tarde chegou a atingir os 15,8ºC (13:30), ou seja, 13 graus de diferença.Agora que a temperatura do ar volta a arrefecer, sendo que às 18 horas nas duas estações da zona baixa do Funchal estavam 16,6ºC, recorde-se que na noite passada mais de metade das estações da rede meteorológica do IPMA na Madeira registaram temperaturas abaixo dos dez graus. Com particular destaque para localidades como o Santo da Serra, freguesia onde a temperatura desceu até aos 5,6ºC. Igualmente significativo foi o arrefecimento sentido noutras localidades populacionais, como o Monte (7,8ºC), Quinta Grande (7,8ºC), Santana (7,9ºC) e São Vicente (8,3ºC).Temperaturas que deverão registar um ligeiro desagravamento até domingo, dia onde o Funchal deverá registar temperaturas entre os 15 e os 21 graus.Antes, no sábado, a chuva deverá reaparecer, mas sem grande significado. O mesmo poderá acontecer já amanhã, com o IPMA a admitir “possibilidade de ocorrência de aguaceiros fracos” juntamente com o aumento da intensidade do vento, que pode ser “moderado (10 a 30 km/h) do quadrante leste, soprando por vezes forte (até 40 km/h) nas terras altas a partir da tarde”.Chuva fraca que no Funchal poderá reaparecer só na próxima sexta-feira, segundo a estimativa do IPMA para a Madeira.

Related news

Latest News
Hashtags:   

Efeitos

 | 

massa

 | 

polar

 | 

farão

 | 

sentir

 | 

Madeira

 | 
Most Popular (6 hours)

Most Popular (24 hours)

Most Popular (a week)

Sources