Sunday 19 January 2020
Home      All news      Contact us      English
dnoticias - 1 month ago

Sérgio Conceição convicto da conquista do título nacional pelo FC Porto

O treinador do FC Porto, Sérgio Conceição, reforçou hoje a convicção de que a equipa vai ser campeã portuguesa de futebol e sustentou essa ideia em dois pilares, a qualidade e o trabalho.Na conferência de antevisão da partida com o Tondela, a contar para a 14.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, o técnico dos ‘dragões’ definiu o objectivo e explicou as suas palavras.“A minha convicção baseia-se em dois pilares: na qualidade e no trabalho. A qualidade que existe no plantel e o trabalho que realizamos em conjunto. Os outros não perderem pontos tem a ver com eles. O que tenho de fazer é não perder mais pontos até final do campeonato”, referiu.Sérgio Conceição abordou ainda as declarações do treinador do Tondela, Natxo Gonzalez, que disse acreditar que a sua equipa vai marcar pelo menos um golo no Estádio do Dragão, na segunda-feira.“O treinador do Tondela espera um golo da sua equipa no Dragão e diz isso, com certeza, com o conhecimento profundo que tem da sua equipa e o que estudou sobre a nossa. Todos os treinadores e todas as equipas acham isso, não tenho de comentar muito o que ele disse. Temos de dar uma boa resposta e fazer com que isso não aconteça. Temos de estar defensivamente como temos estado nos jogos em casa para o campeonato e depois marcar golos para vencer o jogo”, disse o técnico da equipa ‘azul e branca’.Face à goleada do Benfica frente ao Famalicão (4-0), no sábado, o FC Porto vai entrar em campo com o Tondela a sete pontos da liderança, mas isso não constitui para Sérgio Conceição um motivo de preocupação. “A pressão faz parte do jogo, da vida. Temos um jogo para tentar ganhar, temos de estar a muito bom nível para o conseguir. Sabemos aquele que tem sido o trajecto do adversário, sobretudo fora. Ganhou em campos complicados e por mais do que um golo. Temos de conhecer bem o adversário, focando-nos bem sobretudo na nossa equipa. Pressão criamos nós próprios, pois representamos um clube histórico, obrigado a ganhar. Não há qualquer pressão adicional. Temos de tentar ganhar todos os jogos para depois em maio fazermos as contas”, reforçou.Na conferência de imprensa, Sérgio Conceição abordou o desempenho da equipa nos jogos fora de casa.“São jogos competitivos, jogos em que cada vez mais as equipas estão preparadas, trabalham bem, dificultam a vida aos adversários. Fazemos a análise jogo a jogo, percebemos que por vezes não é só a estratégia que está em causa. Falamos de um sistema, de uma forma de jogar, mas depois contam as individualidades, fazer vir cá para fora o sexto momento, o talento do jogador, a inspiração. Em jogos complicados tem de vir cá para fora a qualidade do nosso plantel. Em alguns momentos, não tem vindo acima essa inspiração que normalmente faz a diferença”, explicou.Sérgio Conceição falou ainda do episódio que afectou Otávio, cuja casa foi assaltada durante o encontro com o Feyenoord, na quinta-feira, num momento em que a mulher e os dois filhos estavam no interior. “No dia, a situação mexeu com toda a gente, com treinadores, jogadores, ‘staff’. Ele sabe que toda a gente está solidária com ele. Graças a Deus, não aconteceu nada de grave com a saúde de ninguém, isso é o mais importante. A nós cabe-nos estar com ele, estar solidários. Não é o primeiro nem será o último, infelizmente. Está bem para jogar”, finalizou.O FC Porto, segundo classificado, recebe na segunda-feira o Tondela, no nono lugar, às 20:15 horas, no Estádio do Dragão, em jogo relativo à 14.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol.


Latest News
Hashtags:   

Sérgio

 | 

Conceição

 | 

convicto

 | 

conquista

 | 

título

 | 

nacional

 | 

Porto

 | 
Most Popular (6 hours)

Most Popular (24 hours)

Most Popular (a week)

Sources