Tuesday 4 August 2020
Home      All news      Contact us      English
diariodigital - 19 days ago

Os jogadores-chave de Conceição no caminho para o título

No caminho para o título de campeão nacional, Sérgio Conceição utilizou 25 jogadores. Apesar de todos os treinadores dizerem que todo o plantel conta e que todos são iguais, Sérgio Conceição teve alguns jogadores-chave que lideraram o caminho da equipa para o 29.º título de campeão da história do FC Porto.Especial Campeão 2019/2020: saiba tudo sobre o título do FC PortoMarchesin$$caption$$Oficializado no início de agosto, Marchesín chegou e de imediato conquistou o lugar de titular da baliza azul-e-branca lugar que ocupou em quase todas as jornadas do campeonato, à exceção da 11.ª jornada em que ficou de fora dos convocados devido à famosa festa da mulher de Uribe.A sanção ficou por essa jornada. O guardião argentino regressou as balizas e continuou a demonstrar a qualidade que por várias vezes salvou o FC Porto de males maiores, realizando grandes defesas ao longo de toda a época, não só na I Liga como nas restantes competições em que os dragões participaram.Jogos realizados: 30
Minutos em campo: 2932
Defesas: 50Tecatito Corona$$caption-2$$No FC Porto desde 2015, Tecatito Corona sagra-se campeão azul-e-branco pela segunda vez na carreira. O mexicano foi o homem das assistências dos dragões dando a marcar por nove ocasiões. Além das assistências soma ainda quatro golos marcados, o último dos quais, frente ao Marítimo, que garantiu os três pontos e a liderança isolada do campeonato.É o único jogador que Sérgio Conceição usou consecutivamente nas primeiras 30 jornadas da I Liga, somando 2736 minutos de dragão ao peito.Jogos realizados: 31
Minutos em campo: 2836
Golos: 4
Assistências: 10Alex Telles$$caption-3$$Não há ninguém no FC Porto que tenha marcado mais golos que Alex Telles. O italo-brasileiro somou dez golos nos 27 jogos realizados na I Liga esta época, dois dos quais decisivos para a vitória azul-e-branca em jogos no campeonato: o primeiro no Boavista-FC Porto, da 11.ª jornada (1-0, golo aos 9 minutos) e mais recentemente contra o Portimonense, aos 87 , marcou o tento que permitiu ao dragão não deixar a águia fugir.Além de marcar, Alex Telles também deu a marcar por cinco vezes nas partidas realizadas na I Liga, competição que vence pela segunda vez.Jogos realizados: 28
Minutos em campo: 2444
Golos: 10
Assistências: 6Marega$$caption-4$$O avançado maliano não teve o fulgor de outras épocas, mas mesmo com menos tentos apontados, continuou a ter um papel importante na equipa de Conceição.Segundo melhor marcador da equipa (nove golos), esteve envolvido em 12 dos golos do FC Porto na I Liga (com três assistências), tendo abrido o marcador no clássico de Janeiro, em Alvalade e garantido a vitória no jogo em Guimarães, em que acabou por sair de campo após os insultos racistas de que foi alvo, uma atitude que marca a época do futebol nacional.Jogos realizados: 27
Minutos em campo: 2836
Golos: 10
Assistências: 3Pepe$$caption-5$$Regressado ao FC Porto na época passada, Pepe mata a fome de títulos com os azuis-e-brancos depois de ter conquistado o campeonato nacional com os portistas em 2006 e 2007.O internacional português começou a época a titular e foi praticamente totalista nas primeiras 15 jornadas do campeonato. Uma lesão sofrida no clássico com o Sporting, em janeiro, tirou-o dos relvados durante cinco jornadas, mas regressou no encontro que marca um antes e um depois na luta pelo título desta época, na receção ao Benfica no Dragão. Na retoma, continuou patrão numa defesa que sofreu apenas um golo nos últimos seis jogos.Jogos realizados: 23
Minutos em campo: 1998
Golos: 1
Assistências: 4 *Dados até à 31.ª jornadaEspecial Campeão 2019/2020: saiba tudo sobre o título do FC Porto


Latest News
Hashtags:   

jogadores

 | 

chave

 | 

Conceição

 | 

caminho

 | 

título

 | 
Most Popular (6 hours)

Most Popular (24 hours)

Most Popular (a week)

Sources