Monday 10 August 2020
Home      All news      Contact us      English
diariodigital - 1 month ago

Momento de inspiração de Insigne dá vitória ao Nápoles sobre a Roma

O Nápoles venceu hoje por 2-1 na receção à Roma, treinada pelo português Paulo Fonseca, na 30.ª jornada da Liga italiana de futebol, graças a um momento de inspiração de Lorenzo Insigne, já perto do fim.O internacional italiano tirou um ‘coelho da cartola’ aos 82 minutos, com um golo extraordinário, no qual tabelou com um colega no flanco esquerdo do ataque napolitano, a bola foi rechaçada pela defesa romana para os pés de Insigne, que, do bico da área, efetuou um remate em arco, fora do alcance do guarda-redes espanhol Pau Lopez.O Nápoles dominou o jogo e podia ter evitado sofrer até perto do fim se tivesse sido mais eficaz nos momentos de finalizar as jogadas.A equipa napolitana colocou-se na frente do marcador aos 55 minutos, com um golo ‘luso-espanhol’, já que o cruzamento que esteve na sua origem foi efetuado pelo internacional português Mário Rui e a finalização teve a autoria do espanhol José Callejon.A equipa romana chegaria ao empate cinco minutos depois, num lance em que a bola foi aliviada por um defesa da Roma com um pontapé para o meio-campo, onde surgiu Edin Dzeko a dominar e a desmarcar o arménio Henrikh Mkhitaryan, que correu trinta metros para efetuar um remate rasteiro e colocado.Com este triunfo, o Nápoles subiu ao sexto posto, com 48 pontos, alcançando a pontuação da Roma, que é quinta classificada, numa tabela classificativa liderada pela Juventus - na qual alinha o avançado português Cristiano Ronaldo -, com 75, seguida da Lazio, com 68.Horas antes, a Atalanta tinha-se imposto por 1-0 em Cagliari, com o único tento do desafio a ser apontado pelo avançado colombiano Luis Muriel, de penálti, aos 27 minutos, que originou também a expulsão do defesa Carboni.A formação de Bérgamo manteve o quarto lugar, com 63 pontos, e um do terceiro, ocupado pelo Inter de Milão, que perdeu por 2-1 na receção ao Bolonha e desperdiçou a oportunidade de pressionar a Lazio no segundo lugar, mantendo a distância de quatro pontos. O Cagliari segue em 11.º, com 39.O belga Lukaku deu vantagem aos milaneses quando decorria o minuto 22, na recarga a um cabeceamento do argentino Lautaro Martinez, que podia ter dilatado a vantagem já no segundo tempo, mas permitiu a defesa a Skorupski na cobrança de grande penalidade, quando o Bolonha tinha menos um elemento, desde o minuto 57, face à expulsão de Roberto Soriano.Mesmo em inferioridade numérica, o Bolonha conseguiu empatar, com um tento do gabonês Musa Juwara (74 minutos), antes de o compatriota Musa Barrow (80) consumar a reviravolta, já depois do milanês Bastoni receber também ordem de expulsão.O Verona (oitavo classificado), com o português Miguel Veloso no ‘onze’, podia ‘apanhar’, provisoriamente, o Nápoles, mas acabou batido por 2-0 pelo ‘aflito’ Brescia, que voltou a vencer 14 jogos depois e deixou o último posto da prova, agora ocupado pelo Spal, derrotado por 3-0 no reduto da Sampdoria.O polaco Karol Linetty, com um ‘bis’, e Manolo Gabbiadini, confirmaram a retoma às vitórias da ‘Samp’ e, consequentemente, a subida à 14.ª posição, partilhada com a Udinese, ambos com 32 pontos.A precisar de pontos para se manter na elite do futebol transalpino, o Génova empatou a dois golos em Udine, e soma 27, no 17.º lugar, o primeiro acima da zona de despromoção.A Fiorentina, 13.ª colocada, com 34 pontos, bateu (2-1) fora de portas o Parma (12.º colocado, com 39), do português Bruno Alves, que jogou os 90 minutos. O defesa chileno Erick Pulgar foi a figura da partida, ao apontar duas grandes penalidades.


Latest News
Hashtags:   

Momento

 | 

inspiração

 | 

Insigne

 | 

vitória

 | 

Nápoles

 | 

sobre

 | 
Most Popular (6 hours)

Most Popular (24 hours)

Most Popular (a week)

Sources