Friday 14 May 2021
Home      All news      Contact us      RSS      English
expresso - 22 days ago

Malta vendeu nacionalidade a pessoas que passaram menos de três semanas no país ou que apenas alugaram um iate

Arrendar um apartamento para passar duas semanas de férias, fazer uma doação a uma organização de beneficência social local ou registar o uso de um iate por uns dias é suficiente para conseguir nacionalidade de Malta, um país europeu com acesso a todo o Espaço Schengen. E-mails da empresa facilitadora, a Henley Partners, obtidos pelo Guardian , revelam que a ligação genuína ao país que a lei exige não está a ser respeitada


Latest News
Hashtags:   

Malta

 | 

vendeu

 | 

nacionalidade

 | 

pessoas

 | 

passaram

 | 

menos

 | 

semanas

 | 

apenas

 | 

alugaram

 | 

Sources